Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Todos os Livros

Todas as novidades literárias das editoras portuguesas.

Todos os Livros

Todas as novidades literárias das editoras portuguesas.

21
Set17

1147 - Miguel Gomes Martins

A Conquista de Lisboa na Rota da Segunda Cruzada

capa

Editora: A Esfera dos Livros -  400 páginas - Lançamento: setembro de 2017

 

«Na manhã do dia 3 de Agosto de 1147, os combatentes cristãos estacionados em redor de Lisboa ultimavam os preparativos para o assalto à cidade. Não é difícil imaginar a azáfama nos três acampamentos, com esses homens a fazer as derradeiras verificações no armamento, a comer uma refeição que poderia ser a última, a despedir-se das companheiras, a rezar e a confessar-se, ou seja, a preparar o corpo e o espírito para o que se iria seguir.»

 

A conquista de Lisboa aos muçulmanos, comandada por D. Afonso Henriques e coadjuvada pelos Cruzados, teve início em Julho de 1147 e terminou em Outubro do mesmo ano. Como decorreram os primeiros embates e as primeiras negociações? Como foram instalados os arraiais e progressivamente dominadas as imediações da cidade? Como foram geridos os mantimentos durante os quatro meses que durou o cerco? Que máquinas de guerra se usaram para derrubar o inimigo? E, uma vez conquistada Lisboa, que rumo tomou a Segunda Cruzada antes de terminar no falhanço de Damasco?

 

Partindo de novas informações sobre a História Militar da Idade Média, a Lisboa muçulmana e a História da Cruzada, Miguel Gomes Martins reconstitui, de uma forma rigorosa e eloquente, este acontecimento decisivo na nossa história e na construção do país que somos hoje.

 

Ao recorrer ao testemunho de múltiplas fontes portuguesas e estrangeiras que até hoje têm sido pouco utilizadas, apresenta uma nova perspectiva sobre este episódio algo esquecido pela historiografia das últimas décadas.


Sobre o Autor
Miguel Gomes Martins nasceu em Lisboa em Fevereiro de 1965. É licenciado em História pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa e é mestre e doutor em História da Idade Média pela Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, grau que obteve com a dissertação intitulada Para Bellum. Organização e Prática da Guerra em Portugal durante a Idade Média (1245-1367), galardoada com o Prémio Defesa Nacional-2009. É autor de diversos trabalhos de História Militar Medieval (entre monografias, artigos e atas de congressos), de entre os quais se destacam os livros Lisboa e a Guerra (1367- 1411); A Vitória do Quarto Cavaleiro – O Cerco de Lisboa de 1384; A Alcaidaria e os Alcaides de Lisboa (1147-1433); As Cicatrizes da Guerra no Espaço Fronteiriço Português (1250- 1450), em co-autoria com João Gouveia Monteiro e galardoado com o Prémio Cunha Serra, da Academia Portuguesa de História-2011; e De Ourique a Aljubarrota. É técnico superior do Gabinete de Estudos Olisiponenses, colaborador do Centro de Estudos de História da Sociedade e da Cultura da Universidade de Coimbra e investigador integrado do Instituto de Estudos Medievais, da Faculdade de Ciências Sociais Humanas da Universidade Nova, onde leciona a cadeira opcional de História da Guerra na Idade Média.


Saiba Mais

 

30
Jun17

História Militar de Portugal - Nuno Severiano Teixeira, Francisco Contente Domingues e João Gouveia Monteiro

A arte da guerra.

capa

Editora: Esfera dos Livros - 728 páginas - Lançamento: junho de 2017

 

Da batalha de São Mamede a Aljubarrota, da Conquista de Ceuta a Alcácer-Quibir, da Restauração às Invasões Francesas, da Batalha de La Lys às missões no Líbano ou no Afeganistão. As guerras da Fundação e da Independência. A construção do império e a descolonização. As guerras civis e as revoluções. As Guerras Liberais e a implantação da República. A ditadura militar, o 25 de Abril e a democracia. Os historiadores Nuno Severiano Teixeira, Francisco Contente Domingues e João Gouveia Monteiro cobrem quase mil anos de História, desde 1096 aos tempos que vivemos, analisando o recrutamento e a composição dos exércitos, das armadas e, mais recentemente, da força aérea. A evolução do armamento e das tecnologias militares. As estratégias, as táticas e as operações. História Militar de Portugal fala-nos destes aspetos ao pormenor, mas também nos apresenta a guerra e as guerras em contexto, nas suas relações com a economia, a sociedade, o poder politico - e a nossa identidade enquanto nação.

 

Saiba Mais

 

21
Jun17

Curar Sem Medicamentos - Tâmara Castelo

Os remédios naturais mais eficazes para tratar as doenças mais comuns

capa

Editora: Esfera dos Livros - 256 páginas - Lançamento: junho de 2017

 

Curar sem medicamentos... e com responsabilidade «Há muitas patologias, sobretudo as que podem ser mortais, em que a medicina e a farmacologia convencionais continuam a ser uma opção para mim, seja como profissional, como paciente ou como mãe. É também por isso que sigo à risca o plano nacional de vacinação. Mas há uma série de doenças comuns em que os químicos estão longe de constituir as ferramentas mais indicadas para as combater.

Quantas vezes é que, ao primeiro sintoma de febre, se medica uma criança com paracetamol ou ibuprofeno quando há outras soluções tão ou mais eficazes e, ainda por cima, sem efeitos secundários a médio e longo prazo? Ou se lhe dá um antibiótico e, passadas algumas semanas, se volta a essa mesma medicação porque a criança tornou a adoecer? Por que razão se toma tantos anti-histamínicos sem ter em conta que a alimentação é absolutamente determinante para prevenir as alergias, nomeadamente se tivermos cuidado com os lacticínios e o glúten? Isto já para não falar das infeções urinárias ou das gastroenterites, que acabam por nos levar a um círculo vicioso de tomas de antibióticos quando isso é perfeitamente evitável? O pêssego, o pepino, os cogumelos, o cravinho, o tomilho, a cera de abelhas, as infusões das mais diversas plantas, entre centenas de outros produtos, têm propriedades medicinais que nos ajudam a prevenir e resolver numerosos problemas de saúde, como rinite, laringite, otite, vários tipos de tosse, eczema, má circulação, obstipação, enjoos, complicações do foro digestivo, etc., etc., etc...

Ao longo da minha prática clínica, graças aos meus conhecimentos de Medicina Tradicional Chinesa e Homeopatia, pude comprovar que a maioria dos medicamentos podem ser evitados se optarmos por uma alimentação saudável e se recorremos a soluções cem por cento naturais. É essa experiência que partilho consigo neste livro prático, que poderá consultar para se prevenir, mas também em caso de S.O.S.» Tâmara Castelo


Sobre a Autora
Tâmara Castelo nasceu em Lisboa, a 8 de Julho de 1984, no seio de uma família numerosa de ascendência portuguesa, judia e africana. Filha de pai ator e mãe assistente de bordo, cresceu numa casa cheia, multicultural e com idiomas diferentes. Começou a conhecer o mundo aos 6 anos e, desde então, esteve em quase cinquenta países dos quatro continentes. Estudou durante cinco anos na Escola Superior de Medicina Chinesa (em convénio com a Nanjing University of Traditional Chinese Medicine). Viveu na China, entre 2005 e 2008, onde desenvolveu os seus conhecimentos de Medicina Tradicional Chinesa e estagiou num hospital estatal (First Affiliated Hospital Nanjing Medical University Jiangsu Province People's Republic of China). Viveu em Londres, onde estudou na Faculty of Homeopaty. Criou e desenvolveu a Clínica Tâmara Castelo que se estende a várias especialidades dentro da Medicina Chinesa e Homeopatia, como pediatria, clinica geral, apoio à quimioterapia e radioterapia, apoio à fertilidade, perda de peso e alimentação saudável. A clínica conta também com um centro de pré e pós-parto.

 

Saiba Mais

 

 

19
Jun17

Barriga Fit - Izabel de Paula

Firme. Bonita. Saudável.
31 dias para mudar o seu corpo de forma simples e eficaz

capa

Editora: Esfera dos Livros - 200 páginas - Lançamento: junho 2017

 

Barriga Fit não é um guia de atividade física nem um manual de dietas. É um diário de saúde e de boa forma que, uma vez seguido ao longo de um mês, lhe vai trazer resultados surpreendentes e duradouros, com um corpo mais bonito e uma barriga verdadeiramente fit. Para cada dia, encontrará uma massagem específica para aplicar a si própria e também uma «mezinha» de fácil preparação. Esta combinação arrasadora irá fazer com que perca rapidamente volume abdominal, diga adeus à retenção de líquidos, favoreça a oxigenação das células, elimine toxinas, tonifique os músculos e, em pouco tempo, comece a ver ganhar forma a barriga que em tempos perdeu - ou aquela que sempre quis ter.

 

Barriga Fit ensina-lhe também os exercícios físicos mais eficazes para fortalecer os músculos abdominais, e que poderá executar com facilidade em qualquer sítio. Para que se sinta acompanhada, e com uma motivação acrescida, encontrará aqui o mapa dos seus treinos diário e uma grelha para preencher com informações sobre o que põe no prato. Prático, dinâmico, lúdico e de resultados garantidos, este livro partilha com o grande público um método adoptado por numerosas figuras públicas portuguesas.


Sobre a Autora
Izabel de Paula nasceu a 17 de Janeiro de 1976, no Rio de Janeiro. Em 1998, e porque gosta de desafios, veio viver para Portugal. Trabalhou no Hospital Particular de Lisboa, como rececionista e assistente de médicos oftalmologistas. Izabel é apaixonada por temas relacionados com o corpo, a mente, alimentação e saúde. Nesse sentido, tirou o curso de esteticista, com especialidade em Drenagem Linfática, especializada em pós-parto e pós-operatório. Izabel de Paula tirou um curso de Formadora e, ao longo destes anos, tem viajado para destinos como Madeira, Madrid, Andorra, Barcelona, Polónia, Eslováquia, Praga, Grécia, Londres, Genebra, Dubai e, muito recentemente, Changai. Aqui, ensina a outros especialistas os seus tratamentos e as técnicas das suas massagens patenteadas Levanta Bumbum®, Leg Fit Express® e Barriga Fit®. As mezinhas da infância, os vários cursos de massagens, a experiência, a inovação de amassamentos exclusivos, o seu método único e os resultados incríveis deixam todos rendidos. Também ela aprende novas técnicas nos novos destinos onde a recebem. Essas novas técnicas Izabel de Paula guarda-as e melhora ainda mais o que já sabe fazer tão bem: transformar com amor o corpo da mulher. Já deu dicas nas revistas portuguesas Activa, Elle, Máxima TimeOut, Vogue e Women’s Health e é colaboradora dos sites de dicas de beleza Fashion Hunters, Touch of Beauty e NVY.

 

 

Saiba Mais

 

 

15
Jun17

A Arte de Ser Frágil - Alessandro D'Avenia

Como a literatura pode salvar as nossas vidas

capa

Editora: Esfera dos Livros - 200 páginas - Lançamento: junho 2017

 

Vivemos numa época em que apenas tem direito a viver quem for perfeito. Cada insuficiência, cada fraqueza, cada fragilidade parecem proibidas. Mas há outro caminho para a segurança (…).

 

A Arte de Ser Frágil é como um guia para ir ao encontro da felicidade através da beleza e da poesia, porque não há forma mais simples e simultaneamente mais elevada de trilhar esse caminho.

 

O escritor e professor Alessandro D’Avenia escolhe Giacomo Leopardi, um incompreendido poeta clássico italiano, como a sua fonte de inspiração para este livro. Numa série de cartas para Leopardi, em que tece observações não só sobre a obra, mas também sobre a história sofrida do poeta, ao mesmo tempo que passa em revista o percurso da sua própria vida, mostra-nos de que forma é que a literatura e a poesia podem, efetivamente, salvar-nos do desencanto, da frustração permanente e da tristeza profunda (ainda que o sofrimento seja absolutamente necessário para que evoluamos). A arte imita o processo criativo da Natureza. Estimula-nos a tornar as nossas ações «poéticas» e ajuda-nos a atingir a plenitude. A plenitude não é senão a felicidade.

 

Alessandro D’Avenia debruça-se sobre as várias etapas da existência humana, desde logo a adolescência, período que o autor viveu com a angústia da depressão até descobrir um poema de Leopardi e sentir uma profunda transformação interior. Explica-nos que estes momentos de arrebatamento são como a estrela que nos conduz ao longo da vida.

 

É uma espécie de magia que tanto pode manifestar-se por via da perda ou de outro acontecimento doloroso como através de uma sensação de prazer ou experiência maravilhosa, semelhante à que D’Avenia viveu quando assistiu ao filme O Clube dos Poetas Mortos e decidiu, nesse preciso momento, que iria ser professor. O arrebatamento, defende o autor, é um sinal para que sejamos «alguém» e não apenas «qualquer coisa». É como um chamamento para que tomemos conta de nós e do mundo à nossa volta. Para que sejamos mais nós próprios e menos o que se espera de sejamos.

 

Sobre o Autor
Alessandro D’Avenia nasceu em Palermo, em 1977. Apaixonou-se pelos livros e pelas histórias logo em pequeno. Aos 18 anos foi viver para Roma, para tirar o curso de Estudos Clássicos. Concluída a licenciatura, começa a ensinar, concretizando um sonho muito antigo. Segue-se o doutoramento, que o faz perceber que prefere o ensino à investigação, e por isso mesmo frequenta um curso de especialização nessa área. A vontade de contar histórias leva- -o a mudar-se para Milão onde estuda guionismo. Pouco depois retoma a profissão de professor e escreve Branca Como a Neve Vermelha Como o Sangue, que é de imediato aclamado pela crítica italiana.

 

Saiba Mais